Availability: Em Stock

Francisco Lázaro

Contributos multidisciplinares sobre a Maratona dos Jogos Olímpicos de Estocolmo 1912

9.54   ( iva incluído )

Descrição

O tema que se apresenta trata-se de uma coletânea de ensaios elaborados a partir de uma tertúlia realizada no Museu do Desporto, nos Restauradores, em Lisboa, e que pretende contribuir, com perspectivas especializadas e multidisciplinares, para um melhor entendimento do que se terá passado na maratona dos Jogos Olímpicos de Estocolmo, em 1912, onde o português Francisco Lázaro acabou por sucumbir pelo esforço realizado em competição.

Conta com o saber e conhecimento de reputadas figuras da sociedade portuguesa, como António Simões, João Campos, Jorge Silvério, Pedro Branco e José Vicente Moura, que nos oferecem uma visão disciplinarmente pluralista com as suas perspectivas críticas e fundamentadas na história, na psicologia, na medicina, nas ciências do desporto e do treino desportivo, da gestão ao dirigismo desportivo, ajudando o leitor a interpretar os fenómenos e factos que, porventura, terão estado na causa de tão fatídico acontecimento.

 

ÍNDICE

Nota de abertura
Paulo Marcelino – Coordenador

Prefácio
Drª Sara Martins – Embaixadora de Portugal na Suécia

A verdade das mentiras com que se fez a vida e a morte de Francisco Lázaro
António Simões – Jornalista de A Bola

Do treino de Francisco Lázaro ao treino atual da maratona
João Campos – Treinador Olímpico

Francisco Lázaro e a Maratona dos Jogos Olímpicos de Estocolmo em 1912 – a dimensão psicológica
Jorge Silvério – Psicólogo do Desporto

Lázaro. Uma Corrida Fatal.
Pedro Branco – Médico Especialista em Medicina Desportiva

Francisco Lázaro
José Vicente Moura – Dirigente Desportivo
Presidente do COP nos períodos 1990/1992 e 1997/2012

Informação adicional

Peso 200 kg
Autor

, , , , ,

Suporte

Formato

Número de Páginas

Editado em

Idioma

ISBN

Peso