Availability: Em Stock

O Impacto do 25 de Abril no Desporto

SKU: RAP28720

14.31   ( iva incluído )

Descrição

[…] O texto começa com uma essencial Análise Prévia comparativa da situação do Desporto noutros países, evocando factos históricos menos conhecidos, e não deixando de percorrer episódios bem demonstrativos da aversão de Oliveira Salazar ao Desporto, aliás também focados na Introdução.

Esta acentua a hipocrisia do regime político derrubado em 1974, e desde logo as acções de mudança detonadas por Melo de Carvalho e o seu sólido grupo de Colaboradores – em que se destacou, entre outros, o Professor Vasconcelos Raposo – e sempre pautadas pela necessidade de estarem em consonância com as iniciativas de mudança democrática, visando a elaboração de um Plano de Desenvolvimento do Desporto Português, assente na respectiva democratização.

Na sequência da Análise Prévia e da Introdução, o livro é dividido em duas partes:

– a primeira, relativa ao estudo das grandes decisões e objectivos, dividindo a planificação do desenvolvimento do desporto com as necessárias instalações desportivas;

– a segunda aborda as acções então necessárias para a concretização dos objectivos, e sempre numa perspectiva de paralelismo entre elas, visando evitar impasses.

Na primeira Parte salienta-se a prévia e exaustiva descrição da situação da situação do Desporto antes de 1974 e o fundamental Plano de Desenvolvimento, concebido com uma arrojada visão do futuro.

Na segunda Parte é especialmente relevante conhecer as acções projectadas, sendo de salientar as que incidiram sobre a adesão dos Professores do então Ensino Primário para actividades lúdicas, bem como a questão da participação da população, e também, entre outras, o capítulo dedicado à relação entre o Desporto e os Militares.

E, obviamente, a excelente síntese conclusiva, em que é novamente salientado o fundamental desempenho do Professor Alfredo Melo de Carvalho.

Saliente-se, finalmente:

– o lógico realce ao facto de na Constituição figurar, entre os Direitos Sociais e Culturais dos Cidadãos, o reconhecimento do direito dos portugueses à cultura física e ao desporto;

– a circunstância de o presente livro se afirmar como uma das mais relevantes obras sobre a História das grandes modificações estruturais ocorridas em Portugal em matéria de Desporto a partir de 25 de Abril de 1974;

– o quanto ficamos a dever ao Professor António Vasconcelos Raposo como um dos grandes impulsionadores da prática do Desporto em Portugal.

In, Prefácio, Luís Costa Correia

Informação adicional

Peso 0.298 kg